SQL Server – Desabilitando uma entrada na tabela de Read-Routing do AlwaysOn.

Neste artigo cito de forma prática qual o procedimento para desabilitar uma entrada na tabela de Read-Routing do AlwaysOn do SQL Server.

1. Acesse o Management Studio,depois selecione a base de dados master e clique com botão direito do mouse em new query;

 

2. Dentro do editor de query, digite os comandos abaixo:

 

— Esse comando abaixo, lista as entradas na tabela de rota.

SELECT AVGSrc.replica_server_name AS ReplicaOrigem
, AVGRepl.replica_server_name AS ReplicaLeitura
, AVGRepl.read_only_routing_url AS URLdaRota
, AVGRL.routing_priority AS PrioridadeRota
FROM sys.availability_read_only_routing_lists AVGRL
INNER JOIN sys.availability_replicas AVGSrc ON AVGRL.replica_id = AVGSrc.replica_id
INNER JOIN sys.availability_replicas AVGRepl ON AVGRL.read_only_replica_id = AVGRepl.replica_id
INNER JOIN sys.availability_groups AV ON AV.group_id = AVGSrc.group_id
ORDER BY 1

— Esse comando abaixo, apaga a entrada desejada na tabela de rota.

ALTER AVAILABILITY GROUP [AVG] –nome do ag
MODIFY REPLICA ON
N’SQL02′ WITH  —nome do server
(PRIMARY_ROLE (READ_ONLY_ROUTING_LIST=NONE));

Neste artigo citei de forma prática qual o procedimento para desabilitar uma entrada na tabela de Read-Routing do AlwaysOn do SQL Server.

Autor: Maycon Alves.

 

Anúncios

Caravana Azure & Data – Edição Boa Vista – 2018

caravana_banner

Muito feliz por palestrar no EVENTO Microsoft – Caravana Azure & Data – Edição Boa Vista – 2018
Inscrições Abertas, acesse:https://www.sympla.com.br/caravana-azure–data—edicao-boa-vista—2018__310762

Se deseja fazer parte desta caravana no facebook, acesse: CaravanaAzure&Data

Autor: Maycon Alves

SQL Server – Resolvendo Error: 41158 – Failed to join the instance to the availability group no AlwaysOn.

Neste artigo cito de forma prática como resolver um o erro 41158 ao configurar o AlwaysOn no SQL Server 2016/2017.

1. Acesse o Management Studio do servidor primário/secundário,depois selecione a base de dados master e clique com botão direito do mouse em new query;

2. Dentro do editor de query, digite o comando abaixo:

Na réplica Primária

use [master]

GO

CREATE LOGIN [server2$] FROM WINDOWS

GO

GRANT CONNECT ON ENDPOINT::[Hadr_endpoint] TO [server2$]

GO

 

Na réplica Secundária

use [master]

GO

CREATE LOGIN [server1$] FROM WINDOWS

GO

GRANT CONNECT ON ENDPOINT::[Hadr_endpoint] TO [server1$]

GO

Neste artigo citei de forma prática como resolver um o erro 41158 ao configurar o AlwaysOn no SQL Server 2016/2017.

Escrito por: Maycon Alves – Email de contato: maycon.alves@intradb.com.br

SQL Server – Entendendo de forma prática a diferença da LTRIM,RTRIM,TRIM do SQL Server

Neste artigo cito de forma prática a diferença da LTRIM,RTRIM,TRIM do SQL Server.

1. Acesse o Management Studio,depois selecione a base de dados master e clique com botão direito do mouse em new query;

2. Dentro do editor de query, digite o comando abaixo:

O exemplo a seguir usa LTRIM para remover espaços à esquerda de uma expressão de caractere.
O exemplo a seguir usa RTRIM para remover espaços à direita de uma expressão de caractere.
O exemplo a seguir usa TRIM para remover espaços de uma expressão de caractere.

declare @a varchar(100)
declare @b varchar(100)
declare @c varchar(100)
set @a = ‘  maycona’
set @b = ‘mayconb  ‘
set @c = ‘  mayconc  ‘
print ltrim(@a)
print rtrim(@b)
print trim(@c)

Neste artigo citei de forma prática a diferença da LTRIM,RTRIM,TRIM do SQL Server.

Escrito por: Maycon Alves – Email de contato: maycon.alves@intradb.com.br

Caravana Azure & Data – Edição Fortaleza – 2018

Muito feliz de poder fazer parte da Caravana Azure & Data – Edição de Fortaleza.
Fiz duas palestras neste evento:
Primeira Palestra: Migrando SQL Server On-premise para Azure SQL Database.
Segunda Palestra: Modelos de Alta disponibilidade SQL Server On-premise com Azure IaaS.
Autor: Maycon Alves.

Caravana Azure & Data – Edição Fortaleza – 2018

Muito orgulhoso de ver um projeto desafiador dado pela Microsoft Brasil saindo do papel e se tornando realidade. São exatamente 430 inscritos na primeira edição da Caravana Azure & Data.eventoFortaleza

Programação
 
08:30 – 09:30 – Recepção e Credenciamento
09:40 – 10:00 – Abertura do Evento 
10:00 – 11:00 – Palestra #1:
. Tema: Transformação Digital e transformação de carreira
. Palestrante: Adriano Rodrigues, Microsoft
11:00 – 12:00 – Palestra #2:
. Tema: Visão Geral do Microsoft Azure: Modelos de Implementação e Pilares da Plataforma.
. Palestrantes: Maycon Alves e Marcondes Alexandre
 
11:00 – 12:00 – Intervalo de Almoço
 
13:00 – 14:00 – Hands On #1:
. Tema: Migrando SQL Server On-premise para Azure SQL Database.
. Palestrante: Maycon Alves
14:00 – 15:00 – Hands On #2:
. Tema: DBA Cloud = SQL Server + Linux + Azure 
Palestrante:: Marcondes Alexandre
15:00 – 15:30 – Intervalo da Tarde
15:30 – 16:30 – Hands On #3:
. Tema:  Modelos de Alta disponibilidade SQL Server On-premise com Azure IaaS
. Palestrante: Maycon Alves e Marcondes Alexandre
16:30 – 17:00 – Sorteio de Brindes e Encerramento
Palestrantes:
Adriano Rodrigues, Microsoft Brasil
 
Maycon Alves, trabalha com TI há mais de 15 anos. Trabalha atualmente como Consultor Sênior em Plataforma de Dados da Microsoft na Intradb Consultoria e Serviços de TI, Gold Partner da Microsoft. MTAC e MCT. Líder da comunidade Gemspe, SQLrecife.
Marcondes Alexandre, trabalha com tecnologia de banco de dados SQL Server há mais de 15 anos sendo certificado em: MCITP SQL Server 2008 Database Administrator, MCSA SQL Server 2012/2014, Cloud Plataform e MCT. Atuou com DBA na TV Verdes Mares e atualmente é Consultor em Tecnologias Microsoft. Reconhecido como um Microsoft MVP Microsoft Azure, solução de Computação em Nuvens da Microsoft há 7 anos.

 

fonte: https://www.sympla.com.br/caravana-azure–data—edicao-fortaleza—2018__289520

Autor: Maycon Alves

SQL Server – 9 limitações do Grupo de disponibilidade AlwaysOn básico versus avançado.

Neste artigo cito  9 limitações do Grupo de disponibilidade AlwaysOn básico versus avançado do SQL Server 2016 e 2017.

Grupos de disponibilidade AlwaysOn  básico fornecem uma solução de alta disponibilidade para o SQL Server 2016 e o SQL Server 2017 Standard Edition. Um grupo de disponibilidade básico oferece suporte a um ambiente de failover para um único banco de dados. Ele é criado e gerenciado de forma muito semelhante aos  tradicionais AVG (avançados) com Enterprise Edition.

Limitações comparadas a versão Enterprise Edition:

Grupos de disponibilidade básico usam um subconjunto de recursos em comparação com grupos de disponibilidade avançado no SQL Server 2016/2017 Enterprise Edition. Grupos de disponibilidade básicos incluem as seguintes limitações:

  1. Limite de duas réplicas (primárias e secundárias).
  2. Sem acesso de leitura na réplica secundária.
  3. Sem backups na réplica secundária.
  4. Sem verificações de integridade em réplicas secundárias.
  5. Não há suporte para réplicas hospedadas em servidores que executam uma versão do SQL Server anterior ao SQL Server 2016 Community Technology Preview 3 (CTP3).
  6. Suporte para um banco de dados de disponibilidade.
  7. Grupos de disponibilidade básico não podem ser atualizados para grupos de disponibilidade avançada. O grupo deve ser removido e adicionado novamente a um grupo que contém servidores que executam somente o SQL Server 2016/2017 Enterprise Edition.
  8. Grupos de disponibilidade básica só têm suporte para servidores do Standard Edition.
  9. Grupos de disponibilidade básicos não podem fazer parte de um grupo de disponibilidade distribuído.

Neste artigo citei  9 limitações do Grupo de disponibilidade AlwaysOn básico versus avançado do SQL Server 2016 e 2017.

Fontes:

https://docs.microsoft.com/pt-br/sql/database-engine/availability-groups/windows/overview-of-always-on-availability-groups-sql-server?view=sql-server-2017

https://docs.microsoft.com/pt-br/sql/database-engine/availability-groups/windows/basic-availability-groups-always-on-availability-groups?view=sql-server-2017

Autor: Maycon Alves.